O mugido pode ser sinal de desidratação animal

 

No período de aleitamento as bezerras se comportam fisiologicamente como animais monogástricos. Ou seja, utilizam apenas um estomago (abomaso) para a atividade digestiva, já que sua alimentação nas duas primeiras semanas é quase exclusiva a base de leite. Para tornar-se uma vaca produtiva na fase adulta, é necessário condições para o desenvolvimento de vários órgãos e do sistema fisiológico, condições essas ausentes quando não há fornecimento suficiente de colostro nos 2 ou 3 primeiros dias e de leite nas 2 primeiras semanas de vida.

 

Se durante esse período você está percebendo que seus bezerros estão mugindo, fique atento, é bastante provável que estejam avisando que estão com fome, o que pode levar a fraqueza, debilidade e desidratação. Além do mugido, a região do vazio bastante funda e a ausência de gordura entre as costelas, é outro alerta de que o animal está desidratado. Como resultado, as bezerras terão o ritmo de crescimento atrasado e você, produtor, perderá grande parte do lucro previsto neste animal.

 

Em casos graves de desidratação, as bezerras podem ter seu desenvolvimento digestivo e imunológico comprometidos severamente.

 

 

 

 

Com o sistema imunológico afetado, as chances de surgirem doenças aumentam, sendo a diarreia a mais comum na fase de cria. Caso a bezerra sobreviva ao quadro de diarreia, os efeitos dessa enfermidade refletirão por toda a vida produtiva, pois bezerras que tiveram quadros de diarreia nessa fase podem apresentar uma perda de potencial de produção de leite de até 17% na vida adulta. Ainda que apenas os casos graves levem a 17% de perda, os casos leves que resultam em apenas 1 litro a menos na média de produção da futura vaca já é muita coisa. Faça as contas.

 

Por isso, durante a fase de cria todo o cuidado é essencial para garantir que sua bezerra de hoje seja uma vaca saudável e produtiva.

Quer saber como manter seus bezerros saudáveis e evitar doenças na fase de cria? Clique aqui e receba dicas para saúde dos seus animais, na prevenção e tratamento!